rrras-te-parta

....................

sexta-feira, novembro 25, 2005

Sentir Diferente

Eu sou uma pessoa que pensa, e pensa muito. Para além disso sou muito verdadeira comigo mesma, muito mesmo. Ora eu tenho vindo a constatar que os meus sentimentos têm vindo a sofrer uma certa modificação ao longo dos anos. É o caso de não pactuar com certas atitudes e acções. Depois já não sinto tão intensamente os sentimentos de meia-escala…lol, isto é, aqueles sentimentos que não são nem o Amor nem o Ódio; tenho raivas contidas e não me entrego incondicionalmente. Digam-me que é da idade! Não é, mas pode bem ser uma defesa, mas também não, porque ainda consigo entregar-me a um entusiasmo, só que mesmo esse é efémero. Canso-me depressa daquilo que antes me entusiasmava longamente. Talvez eu possa dizer que a “Anima” está enfraquecida, a paciência saturada de mediocridades e já não tenho “Tempo” para hipocrisias de beijinhos, abraços e adoro-tes, anjinhos, molhos de flores virtuais, etc., comentários que nada dizem, lugares comuns que espremidos nada nos trazem a não ser uma pobreza franciscana, que essa até já não é tão pobre assim, tasmesmoaver… Já não rio com banalidades, o que me entristece, e já consigo passar ao lado de certas chatices, consigo mesmo uma certa distancia de tudo o que me pode ensombrar o dia… Talvez isto seja derivado do traquejo da vida, talvez a gente vá aprendendo a dar às coisas o devido valor, nem mais nem menos…talvez se vá adquirindo com a idade, esta espécie de sabedoria, porém… Porém, como dizia o sábio e filósofo: “Estou mais sábio, porém mais triste”…

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home