rrras-te-parta

....................

quarta-feira, janeiro 17, 2007

É Grande o Coração do Poeta


...dum trabalho que nos tinha sido pedido pelo professor de Português, entre a frase de Fernando Pessoa (Valeu a pena? Tudo vale a pena se a Alma não é pequena) e o poema de Antero de Quental "Palácio da Ventura".
Aqui vos deixo o manuscrito e a publicação por ter sido um trabalho que gostei de fazer e do resultado do mesmo.


É Grande o Coração do Poeta

Tudo vale a pena…
Os ermos que regaram os seus prantos,
Os desesperos, as sombras e quebrantos,
Os caminhos vãos que andaram.
E a noite e o pó e a cinza.

Diz-lhe coração, feito valente,
Diz-lhe que tudo vale a pena
Que a alma do poeta não é pequena,
Pois viver nunca é em vão
Quando a crença é a espada do coração.

Se tu vês no amor a razão da própria vida,
E da altura da pena repetida,
Consideras que não foi demais o desengano e a dor
Em vez de flores e encantos e luz de Primavera!
Tu és grande!
Olha o Mundo de frente e continua…
Viver não é em vão e isto é a vida!
Teodora B.

(postado na Sebenta)

1 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home